ANÁLISE DO MÉTODO EM PIERRE BOURDIEU

Autores

  • Vinicius Oliveira Seabra Guimarães

Resumo

O artigo se propõe a analisar o método em Pierre Bourdieu, classificado dentro do escopo da Sociologia Reflexiva, como praxiológico, sistêmico e relacional. A proposta de método em Pierre Bourdieu é de uma construção científica que consiga apreender a lógica da dominação simbólica presente nas relações sociais modernas, desvelando as estratégias de classificação, de poder e de distinção. A intenção desse estudo é demonstrar a pertinência das proposições de Pierre Bourdieu e sua convergência para elucidação das questões metodológicas da pesquisa.

Biografia do Autor

Vinicius Oliveira Seabra Guimarães

Graduado em Administração; Graduado em Teologia com concentração em Missiologia; Licenciando em Sociologia; Licenciando em Pedagogia; Professor do Ensino Superior; participa dos seguintes grupos de pesquisa/estudos: Juventude e Educação (PUC Goiás); Observatório Juventudes na Contemporaneidade (FCS/UFG); Núcleo de Estudos de Religião Carlos Rodrigues Brandão (FCS/UFG).

Referências

AMORIM, Aluízio Batista de. Elementos de sociologia do direito em Max Weber. Florianópolis: Insular, 2001.

BOURDIEU, Pierre. A dominação masculina. 2 ed. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2002.

______. A economia das trocas simbólicas. 6 ed. São Paulo: Perspectiva, 2007.

______. Homo academicus. Florianópolis: Editora da UFSC, 2011b.

______. O poder simbólico. Lisboa: Difel: 1989.

______. O senso prático. Petrópolis: Vozes, 2011a.

______. Os herdeiros: os estudantes e a cultura. Florianópolis: Editora da UFSC, 2014.

______.Os usos sociais da ciência: por uma sociologia clínica do campo Cientifico. São Paulo: Editora UNESP, 2004.

______.Questões de Sociologia. Lisboa: Fim de Tempo, 2003.

______.Razões práticas: sobre a teoria da ação. Campinas: Papirus, 1996.

BOURDIEU, Pierre; PASSERON, Jean-Claude. A reprodução: elementos para uma teoria do sistema de ensino. 3 ed. Rio de Janeiro: Francisco Alves, 1992.

BURAWOY, Michael. O marxismo encontra Bourdieu. Campinas, SP: Editora UNICAMP, 2010.

CAVALCANTE, Cláudia Valente. A teoria da prática e a sociologia reflexiva de Bourdieu: uma abordagem para se pensar a realidade e o método de pesquisa. In: PAIVA, Wilson Alves de (org). Reflexões sobre o método. Curitiba: CRV, 2017.

DURKHEIM, Émilie. As regras do método sociológico. 3 ed. São Paulo: Martins Fontes, 2007.

MARX, Karl. Manuscritos econômico-filosóficos. São Paulo: Boitempo editorial, 2008.

PETERS, Gabriel. A ciência como sublimação: o desafio da objetividade na sociologia reflexiva de Pierre Bourdieu. Revista Sociologias. Porto Alegre: Universidade Federal do Rio Grande do Sul – UFRGS, ano 19, n. 45, mai/ago, pp. 336-369, 2017b.

PETERS, Gabriel. De volta à Argélia. A encruzilhada etnossociológica de Bourdieu. Revista Tempo social. São Paulo: Universidade de São Paulo – USP, vol. 29, n. 1, pp. 275-303, 2017a.

SCARTEZINI, Natalia. Introdução ao método de Pierre Bourdieu. Cadernos de Campo: Revista de Ciências Sociais. São Paulo: Universidade Estadual Paulista - UNESP, n. 14 e 15, pp. 25-37, 2011.

SETTON, Maria da Graça Jacintho. Processos de socialização, práticas de cultura e legitimidade cultural. Revista Estudos de Sociologia. São Paulo: Universidade Estadual Paulista – UNESP, v. 15, n. 28, pp. 19-35, 2010.

WACQUANT, Loïc. O legado sociológico de Pierre Bourdieu: duas dimensões e uma nota pessoal. Revista de Sociologia e Política. Curitiba: Universidade Federal do Paraná - UFPR, n. 19, pp. 95-110, nov, 2002.

WACQUANT, Loïc. Seguindo Pierre Bourdieu no campo. Revista de Sociologia e Política. Curitiba: Universidade Federal do Paraná - UFPR, n. 26, pp. 13-29, jun, 2006.

WEBER, Max. Ensaios de Sociologia. H. H. Gerth e W. Mills (orgs). 5 ed. Rio de Janeiro: LTC, 1982.

Publicado

2019-07-29

Edição

Seção

Artigos