HISTÓRIA DO CONCEITO DE EDUCAÇÃO DOMINICANA

Autores

  • César Evangelista Fernandes Bressanin

Resumo

O artigo aqui apresentado tem como objetivo historiar o conceito de Educação Dominicana no Brasil no final do século XIX e nas primeiras décadas do século XX, a partir das instituições escolares da Congregação das Irmãs Dominicanas de Nossa Senhora do Rosário de Monteils que instalou-se no país em 1885. Partindo dos pressupostos da História dos Conceitos, o trabalho expõe os fundamentos teóricos e metodológicos articulados pelo historiador alemão Reinhart Koselleck no âmbito da História Política e apresenta o conceito de Educação Dominicana e de Educação Dominicana no Brasil, as permanências e as alterações deste no tempo e no espaço evidenciado.

Biografia do Autor

César Evangelista Fernandes Bressanin

Doutorando do Programa de Pós-Graduação em Educação da PUC-GO- Linha de Pesquisa: Educação, Cultura e Sociedade; Mestre em História (PUC-GO). Graduado em História (UFT). Membro do Diretório (CNPq/PROPE) Grupo de Pesquisa: Educação, História, Memória e Culturas em Diferentes Espaços Sociais. Técnico em Assuntos Educacionais da UFT.

Referências

AZZI, Riolando; BEOZZO, José O. (Orgs.). Os religiosos no Brasil: enfoques históricos. São Paulo: Paulinas, 1996.

BENTIVOGLIO, Júlio. A história conceitual de Reinhart Koselleck. Revista Dimensões, vol. 24, 2010, p. 114-134.

CAMARGO, Kenia G. F. Educação católica e presença dominicana em Goiás (GO): a cultura escolar do colégio Sant’Anna (1940-1960). Dissertação (mestrado em Educação) – Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul, Unidade Universitária de Paranaíba. Paranaíba, MS: UEMS, 2014.

CARVALHO, Carlo H; GONÇALVES NETO, Wenceslau (Orgs.) Estado, Igreja e Educação: o mundo ibero-americano nos século XIX e XX. Campinas-SP: Alínea, 2010.

DOURADO, Benvinda Barros. Educação no Tocantins: Ginásio Estadual de Porto Nacional. Tese (Doutorado em Educação) Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2010.

ELIAS, Norbert. O processo civilizador, volume 1: uma história dos costumes. 2. ed. Rio de Janeiro: Zahar, 2011.

JASMIM, Marcelo G. De Cambridge para o Mundo, Historicamente: Revendo a contribuição metodológica de Quentin Skinner. 2005, p. 655-680

JASMIM, Marcelo G. Uma história dos conceitos: problemas teóricos e práticos. Estudos históricos, Rio de Janeiro, vol. 5, n. 10, 1992, p. 134-146.

JASMIN, Marcelo G., FERES JUNIOR, João (Org.). História dos conceitos: debates e perspectivas.Rio de Janeiro: Editora PUC-Rio : Edições Loyola : IUPERJ, 2006.

KELLY, Gabriely; SAUNDERS, Kevin. Valores da educação dominicana: para o uso inteligente da liberdade. Tradução Sonia Midori Yamamoto. São Paulo: Edições Loyola: Editora Unesp, 2015.

KIRSCHNER, Tereza B. A reflexão conceitual na prática historiográfica. Textos de História, v.15, n.1/2, 2007.

KOSELLECK, Reinhart. Futuro passado: contribuição à semântica dos tempos históricos. Trad. do original alemão Wilma Patrícia Maas, Carlos Almeida Pereira; revisão da tradução César Benjamim. – Rio de Janeiro: Contraponto: Ed. PUC-RIO, 2006.

LOPES, Maria Antonieta Borges e BICHUTTE, Monica M. Teixeira Vale Bichutte (Org.) Dominicanas: cem anos de missão no Brasil. Uberaba: Vitória, 1986.

MCVERY, Chrys. Valores dominicanos: atentos ao real e ao possível. In: KELLY, Gabriely; SAUNDERS, Kevin. Valores da educação dominicana: para o uso inteligente da liberdade. Tradução Sonia Midori Yamamoto. São Paulo: Edições Loyola: Editora Unesp, 2015.

MELO. Geovana F. Por trás dos muros escolares: luzes e sombras na educação feminina. Colégio Nossa Senhora das Dores – Uberaba (1940-1966). Dissertação (Mestrado em Educação) Universidade Federal de Uberlândia. Uberlândia, 2002.

MESQUITA, Martha M. A. (Org.). Cartas de Madre Anastasie. Araxá-MG: Dominicanas de Nossa Senhora do Rosário de Monteils, 2010.

MOUNIER, Cathérine. Volta as fontes: estuo histórico sobre as origens da Congregação das Irmãs Dominicanas de Monteils. Tradução Anísia de Souza. Goiânia: Congregação Dominicana, 1992.

OLIVEIRA, Maria de F. Entre o sertão e o litoral: cultura e cotidiano em Porto Nacional 1880/1910. Anápolis: Universidade Estadual de Goiás, 2010.

PROTO, Leonardo V. P. História dos Conceitos: fundamento teórico-metodológico para construção da historiografia. Revista Espaço Acadêmico, nº 122, Ano XI, julho de 2011, p. 74-81.

SCHERER, Vera Lúcia et.al. História: da palavra ao entendimento – a função do conceito. Disponível em: http://www.diaadiaeducacao.pr.gov.br/portals/pde/arquivos/2402-8.pdf p. 11-37. Acesso em 25/01/2019, às 15:23h.

SILVA, José Trindade da Fonseca e. Lugares e pessoas: subsídios eclesiásticos para a história de Goiás. Goiania: UCG, 2006.

Publicado

2019-07-29

Edição

Seção

Artigos